janeiro 29, 2008

Revistas digitais de RPG

Já reparou a grande quantidade de revistas digitais sobre RPG que temos no Brasil? É tocante e animador como aqueles que praticam o hobby de jogar RPG se animam a escrever e criar! E de forma cada vez melhor!
Sabendo que estamos sendo injustos por esquecer algumas, eis aqui uma pequena lista: ÓperaZine, Nível Épico, DaemonZine, etc...
O mais interessante é que todas têm uma visão muito positiva e animadora dos assuntos que resolvem divulgar. Existem as críticas, mas a grande maioria opta por simplesmente ignorar aquilo que considera ruim, divulgando o que acha bom. Além disso, trabalham por amor ao hobby, colocando as revistas de forma gratuita para qualquer um que desejar ler as mesmas.
Acreditamos que essa é a postura que levará o RPG a ter uma estrutura e se firmar diante de uma sociedade que persegue um jogo que desenvolve a imaginação, o hábito de ler, a criatividade, a cooperação e outras coisas mais e apóia abertamente certos tipos de (pigarro) "músicas" ou certos "programas instrutivos" ou "divertidos" de tv (já viu seu reality show hoje? Não! Que pecado! Mas sempre tem aquele de variedades e outras coisas importantes no canal seguinte...).
Por falar em postura, talvez isso explique o motivo pelo qual o RPG brasileiro – com toda a perseguição – tenha editoras e autores firmados enquanto os quadrinhos nacionais – muito mais antigos e sem essa perseguição – ainda patinam. Vamos aprender com eles, gente...

2 comentários:

Eduardo disse...

yes

Leonardo T. disse...

Eu particularmente perfiro material nacional pelo fácil acesso aos autores da obras! E quanto aos quadrinhos eu gosto muito! Tenho orgulho de dizer que prefiro muito mais a Mirza do Colonese do que a Vampirella hehehehe e sempre que da eu compro quadrinhos independentes como a Tempestade cerebral!!!

BuscaPé, líder em comparação de preços na América Latina
BuscaPé, líder em comparação de preços na América Latina